As maiores mentiras do e-commerce

As maiores mentiras do e-commerce

Assim como praticamente todos os segmentos o marketing, a propaganda no que se diz  respeito ao e-commerce as vezes não é muito “justa”. Infelizmente na ânsia de conquistar mais e mais clientes acaba ocorrendo um divulgação, afirmações que não são reais ou seja, As maiores mentiras do e-commerce.

Portanto este artigo serve para alertar os lojistas ou futuros lojistas a cerca de alguns pontos que se faz necessário ter uma certa atenção.

1) Garantia de primeira página no Google

Muitas empresas de marketing, agências digitais especialistas em SEO, juram de pé junto que se contratar o serviço deles eles, você irá aparecer na primeira página do Google.  Se for para aparecer na busca orgânica com suas palavras chaves principais, sem investir em Google Adwords, só lhe digo uma coisa: CONTRATE, mas exija tudo por escrito, com custos, tempo que irá levar …

O Google analisa centenas de pontos e compara com seus concorrentes estes pontos para então definir um posicionamento. E uma loja virtual concorrer com o blog por exemplo, nas mesmas palavras chaves é altamente complicado. Então garantir um posicionamento é algo muito incerto.

Se a empresa realmente for muito, mas muito boa ela consegue, alterando muito o código, gerando muitos links externos, etc… mas isso não sai barato e leva tempo.  Se a oferta é muito boa o Santo desconfia ….

2) Coloque nosso selo no seu site que suas vendas irão aumentar 30%

Tem uma empresa que de um selo de segurança para site que usa este discurso. Acreditem balela pura. Não caiam jamais em promessas deste tipo. Como uma imagem pode influenciar o consumidor no seu site e aumentar a taxa de conversão em 30%? Isso não existe.

Pode aumentar a taxa de conversão? Pode claro, talvez algo de no máximo 3%. Mas ai colocar um zero a mais no número?? Nenhum serviço que efetivamente não traga tráfego qualificado ao seu site consegue só colocando uma imagem no site aumentar tanto assim a taxa de conversão.

3) Mensalidade baixa + cobrança de pageviews

Muitos concorrentes da Loja Mestre tem uma mensalidade baixa, porém cobram um adicional por tráfego.  Uma conta rápida, um cliente que acessa seu site, normalmente gera em média 10 pageviews. Então se você tiver 200 acessos por dia, em um mês você deve ter algo próximo a 60 mil pageviews. E estamos falando de apenas 200 acessos/dia.  Uma loja com boas vendas tem pelo menos 1.000 acessos dia.

Neste cenário, de 60 mil pageviews, pode gerar um excedente no plano que custaria algo em torno de R$ 100,00 por mês só de custo de tráfego. Em alguns concorrentes o valor pode ser muito maior. Então recomendamos que observe atentamente os planos e repare nestes detalhes. Lembrando que a Loja Mestre NÃO COBRA TRÁFEGO!

4) Loja virtual grátis

Como diz o ditado “não existe almoço de graça”! Não existe loja virtual de graça.  Suporte, hospedagem, tráfego, desenvolvimento, tudo custa, então em algum ponto a plataforma de e-commerce terá que lucrar. Ninguém abre uma empresa para não ter lucro.

Existem dois caminhos para a empresa de e-commerce que oferece a loja sem custos lucrar, ou estão cobrando uma taxa oculta no meio de pagamento, ou estão vendendo os dados de sua loja virtual para grandes big datas.

As maiores mentiras do e-commerce